CGU aponta pagamento indevido de mais de R$ 6 bilhões por programas sociais durante gestão Bolsonaro

A Controladoria Geral da União detectou irregularidades no pagamento feito por programas sociais como Auxílio Brasil, Auxílio Gás, Auxílio Taxista e Auxílio Caminhoneiro, criados na gestão de Jair Bolsonaro. Mais de R$ 6 bilhões teriam sido depositados indevidamente.

Só para caminhoneiros e taxistas, o relatório da CGU constatou quase R$ 2 bilhões. No caso dos taxistas, pelo menos 246 mil beneficiários não cumpriam requisitos básicos para receber o auxílio.

A Controladoria identificou também que, entre junho e agosto de 2022, mais de 83 mil famílias que tinham direito de receber o valor do botijão a cada dois meses, não tiveram acesso ao programa.
#JTCultura #JornalDaTarde

▶️ BAIXE O APLICATIVO CULTURA PLAY ▶️

– Play Store: http://bit.ly/3KUUHhI
– Apple Store: http://apple.co/3LgEK72

Inscreva-se no canal e clique no sininho para ser notificado das novidades!

Siga as redes da TV Cultura!
Facebook: https://www.facebook.com/tvcultura
Twitter: https://twitter.com/tvcultura
Instagram: https://www.instagram.com/tvcultura/
TikTok: https://www.tiktok.com/@tvcultura?lang=pt-BR
Site: https://tvcultura.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo