“O que sei aos 60, sabia aos 20. Quarenta anos de um longo e inútil trabalho de verificação”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo